“Today I die”

por Lígia Wendler

     “Today I die” é um jogo feito pelo designer Daniel Benmergui e que começa com a seguinte poesia:

“mundo morto

cheio de sombras

hoje eu morro”

Junto da poesia vemos a personagem principal afundando com uma pedra amarrada ao seu corpo e peixes com feições malvadas nadando ao seu redor. Vemos que, no poema a palavra “morto” está destacada de verde. Vemos também que outras duas palavras estão na tela, mas não fazem parte do poema: “escuro” e “doloroso”.

today i die 1

Quando trocamos “morto” por uma dessas palavras, mudamos de ambiente, portanto existem três diferentes ambientes no jogo: “morto”, “escuro” e “doloroso”. Nos três percebemos elementos “malvados” que são cinza escuro ou preto. Voltando à tela inicial e clicando nas águas-vivas que nadam também ao redor da personagem, notams que elas brilham e que, as “sombras” malvadas as atacam.

Depois de alguns cliques surge a palavra “brilho” que se destaca em amarelo, assim como a palavra “morro” no poema. Substituindo “morro” por “brilho”, a personagem passa a brilhar e as sombras desaparecem. A partir daí o poema começa a ter um sentido diferente, sem tanta tristeza.

Trocando “morto” por “doloroso” conseguimos mexer nas sombras deste ambiente e descobrir uma nova palavra em destaque amarelo: “nado”. Como as outras palavras em amarelo, está será uma ação que a personagem fará, quando está palavra for colocada no poema, ou seja, no caso da palavra “nado”, a personagem passa a nadar.

today I die 2

Usando esta palavra na tela “doloroso”, a personagem começa a nadar e a palavra “livre” aparece aos poucos junto da personagem, mas as sombras a puxam para baixo a impedindo de ser livre.

Utilizando “brilho” no poema, percebemos que este brilho que surge protege a personagem. Além disso, vemos pequenas bolhas brilhantes que ficam maiores ao encostar na personagem. Posicionando-as em volta dela, criamos uma proteção contra as sombras que procuram mantê-la no cenário triste.

today i die final

Quando a personagem consegue finalmente se libertar, novas palavras aparecem, além de um novo personagem acompanhado de um último verso, complementando o poema:

“mundo livre

cheio de beleza

hoje eu nado

até você chegar”

Portanto, “Today I die” é um jogo para se pensar sobre as nossas próprias tristezas, nos mostrando o caminho de uma personagem que, num momento inicial afunda num mundo escuro e assustador junto de um poema triste mas que com a mudança de algumas palavras e ideias, afasta as ideias ruins e consegue mudar completamente o sentido de seus sentimentos.

Jogue aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Games

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s